Monitorização Online em RP

PRSTACK IMAGE

A  proliferação das social media veio revolucionar completamente as funções de um profissional de Relações Públicas. Hoje, este já não se encontra limitado aos meios de comunicação tradicional pois tem os seus próprios métodos para comunicar diretamente com os públicos e formas de medir a eficácia dessa comunicação. Se isto, por um lado, facilita a compreensão e a criação de relações de duas vias entre a organização e os públicos, por outro, veio complexificar o trabalho dos profissionais. Felizmente, existem inumeras ferramentas disponíveis que simplificam este trabalho.

O Prstack é um projeto colaborativo, criado por Stephen Waddington, que lista mais de 250 ferramentas de planeamento, gestão e monitorização, entre outros, destinadas aos profissionais da área das relações públicas e da comunicação.

De entre uma panóplia de ferramentas que se pode encontrar no Prstack, escolhi três para testar: o Mention, o Sprout Social e o Zoho Social.

O Mention é uma ferramenta online que serve para monitorizar a presença na internet da organização, dos seus concorrentes, de produtos e marcas específicos, de pessoas e de literalmente qualquer outra coisa, com recurso a keywords.

licor beirão

Basta introduzir os links do website daquilo que se quer monitorizar, os seus perfis nas social media (o Facebook, o Twitter, o Yelp, o Tripadvisor, o Instagram, o Linkedin e a Groupon são apenas algumas das muitas opções disponíveis) e algumas palavras-chave. Pode-se também escolher as fontes das quais se deseja receber alertas (e.g.: notícias; blogs; foruns.) e o idioma dos conteúdos. No Feed, o utilizador pode encontrar tudo aquilo que está a ser publicado no website e nas social media da organizações/produtos/pessoas e todos os conteúdos na Internet nos quais foram mencionadas as palavras-chave estipuladas. As menções são atualizadas em tempo real e podem ser filtradas por fonte e por período de tempo.

BEIRAO

É possível classificar os conteúdos monitorizados como “positivos”, “neutros” ou “negativos”, adicionar aos favoritos, arquivar, adicionar um tag que facilite a procura do conteúdo ou partilhar. Podem também encontrar-se diversos dados estatísticos, como o número de menções durante um determinado período de tempo, a localização geográfica e o idioma das fontes, as top influences, os posts com maior alcance e muito mais.

Esta ferramenta permite à organização estar ao corrente, em tempo real, daquilo que é dito acerca dela, por quem e através de que fonte. Isto permite-lhe responder às menções e interagir de forma mais ativa com os públicos e responder a eventuais questões. As estatísticas que fornece são importantes na medida em que permitem conhecer melhor as características da audiência e o tipo de conteúdo que melhor funciona.

O Sprout Social tem várias características interessantes que podem agilizar muito o trabalho de um profissional de Relações Públicas. Em primeiro lugar, simplifica o processo de gerir e fazer publicações nas social media. Permite combinar os perfis de várias social media num único local de modo a poder publicar em múltiplos canais em simultâneo e acompanhar as discussões mais importantes acerca da organização, onde quer que ela aconteça. Dá a hipótese de escolher entre publicar um determinado conteúdo mal este acaba de ser produzido, salvá-lo como rascunho para rever mais tarde ou agendar a publicação para uma data e hora predefinida. Possui características como o targeting, que ajuda a alcançar a audiência pretendida no momento desejado, e o viralpost, que analisa os padrões de utilização dos públicos e determina, de forma automática, o melhor momento para fazer uma determinada publicação. Pode-se consultar o calendário do Sprout Social para saber quais os posts que estão agendados ao longo da semana. Estas funcionalidades permitem planear os conteúdos que se quer partilhar num determinado período de tempo e maximizar o seu alcance.

Outra característica interessante é a smart inbox que armazena as mensagens da caixa de entrada de todas as social media num único local. Permite ver facilmente quais as mensagens às quais ainda não se respondeu de maneira a que isso possa ser feito e que ninguém fique esquecido.

Para além disso, dá acesso a métricas importantes acerca da performance de cada post publicado e o seu impacto no público, bem como outros aspetos relacionados com a presença da organização nas social media, como o crescimento dos seus perfis, os dados demográficos dos seus seguidores e os tópicos e hashtags mais utilizados em referência à organização/marca. Permite também comparar diretamente os perfis da organização no Facebook, Twitter e Instagram com os dos seus concorrentes. Estas características ajudam o profissional de RP a conhecer a sua audiência, compreender quais os tipos de conteúdos que funcionam melhor e a ter uma visão mais clara do desempenho online da organização por sí só e em comparação com os seus concorrentes.

O Zoho Social é, em vários aspetos, semelhante ao Sprout Social. Permite igualmente gerir várias contas em simultâneo, aglomera os posts publicados em todas as social media num único feed e todas as mensagens numa só caixa de entrada. É também possível o agendamento de posts.

ZOHO INTERFACE

Apresenta ainda diversos dados estatísticos que auxiliam os profissionais a medir o desempenho da companhia nos múltiplos perfis. Permite saber o número de pessoas alcançadas por cada post, o tipo de posts que funcionam melhor (e.g.: imagens, texto, etc.) e o melhor horário e dia da semana para publicar. Mostra quem são as pessoas com quem a marca interage com mais frequência (e.g.: mensagens, comentários, etc) e dá acesso a um conjunto de dados sociodemográficos acerca dos seguidores: o seu género, país e cidade e o idioma que falam.

Pode-se também monitorizar as menções, os likes e as palavras-chave que as pessoas associam mais frequentemente à organização/marca.

Ferramentas como estas são essenciais no dia-a-dia de um profissional de Relações Públicas pois permitem estar a par, em tempo real, de tudo aquilo que se diz sobre a organização/marca, planear cuidadosamente os passos seguintes e medir os resultados de forma a saber quais os conteúdos mais eficazes de modo a poder fazer os ajustes necessários para comunicar com os públicos de forma cada vez mais eficaz e a atingir os objetivos pretendidos.

 

 

Advertisements